Quarta, 17 de Agosto de 2022
Política

Tive que ceder e me aproximar das mulheres, diz Bolsonaro

Presidente discursava em culto evangélico no Maranhão e criticou liberação do aborto: “como se fosse extrair 1 dente”

14/07/2022 às 11h45 Atualizada em 14/07/2022 às 11h57
Por: Redação
Compartilhe:
Tive que ceder e me aproximar das mulheres, diz Bolsonaro

ALEX GONÇALVES
Tribuna10/ 14 de julho de 2022  às 09h01

O presidente Jair Bolsonaro (PL) disse, nesta 4ª feira (13.jul.2022), que precisou “ceder” para administrar o país e se aproximar das mulheres, durante cerimônia evangélica na cidade de Imperatriz (MA). “Não é fácil administrar um país, tenho aprendido muito ao longo de 4 anos, inclusive a ceder em alguns momentos e aproximar mais das mulheres”, afirmou Bolsonaro. “São a nossa âncora. Nenhum de nós pode ser feliz sem uma mulher do lado”, completou....

Pesquisa PoderData realizada de 3 a 5 de julho de 2022 mostra que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) tem 44% de intenções de voto do eleitorado feminino, contra 36% do presidente Bolsonaro. No evento religioso, o presidente falou sobre posicionamentos contra a liberação de drogas, “ideologia de gênero” e o aborto. Sobre o último, Bolsonaro afirmou que, no Brasil, querem aprovar “como se fosse uma extração de um dente. Diz que isso é questão de saúde, e não uma questão de acreditar que a vida começa na concepção”, disse ele. Bolsonaro se referiu ao ministro do STF.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários